Mercado de marketing atual

Mercado de marketing atual

Além do dia das mães, no dia 8 de maio, outras pessoas também deverão receber as nossas homenagens: são os profissionais de marketing. Mas como anda esse mercado em meio à crise? Bem, sabemos que ‘’nas desacelerações do mercado, as empresas passam a buscar desesperadamente novas maneiras de reduzir custos. Elas, em geral, selecionam três departamentos para cortar custos: desenvolvimento de novos produtos, recursos humanos e marketing. Especificamente, os novos produtos ficam nas prateleiras; a área de recursos humanos para de gastar dinheiro com recrutamento e treinamento; e o marketing é eliminado em mercados menos críticos.’’ (Fonte: Marketing de Crescimento, Elsevier)

Porém, também sabemos que é em meio às adversidades que a criatividade aflora, algo que os profissionais desse ramo dominam muito bem. E, se os investimentos offline têm sido mais contidos, não é o que ocorre no segmento online. Segundo previsão da pesquisa Digital AdSpending, liderada pelo IAB Brasil (Interactive Advertising Bureau), os investimentos em marketing digital devem crescer 12% para o ano de 2016, alcançando uma movimentação de R$ 10.4 bilhões.

Registros da IAB Brasil ainda informam que, apesar da instabilidade econômica, o setor de marketing digital deve manter um crescimento de dois dígitos nos próximos anos. Mercados mais maduros, como Reino Unido e Estados Unidos, são bons exemplos de que o digital conquista mais espaço no budget dos anunciantes em períodos de adversidades.

FOCO NO CLIENTE

Outro fator importante que deve ser trabalhado incansavelmente são os consumidores, pois atualmente eles também são fortes geradores de conteúdo e exercem papel fundamental na propagação de opiniões negativas ou positivas acerca de um produto. ¹‘’À medida que os consumidores vão se tornando mais colaborativos, culturais e espirituais, o caráter do marketing também se transforma.’’ Sabendo disso, o profissional de marketing tem que estar mais atento na forma de se comunicar com esse cliente, para que sua experiência com a marca resulte em um engajamento orgânico do consumidor, e que faça com que ele difunda a marca em sua rede de relacionamento (online ou física).

O papel do marketing é ser o mediador entre empresa e consumidor. Desempenhar bem esse papel é fundamental para que a marca alcance as expectativas de seu público fidelizando-o e para que em uma gestão de crise a empresa saiba quais rumos tomar. ²‘’O marketing pode ser responsável pela queda da confiança dos consumidores, mas também tem a maior chance de resolver esse problema. Afinal, marketing é o processo de gestão que está mais perto dos consumidores.’’

³‘’Acreditamos que é hora de colocar um ponto final na dicotomia entre profissional de marketing e consumidor. Os profissionais de marketing responsáveis por qualquer produto ou serviço devem perceber que também são consumidores de outros produtos e serviços. Os consumidores também podem estar cientes de que devem fazer uso do marketing do dia a dia para convencer seus companheiros consumidores. Todos nós somos tanto profissionais de marketing quanto consumidores. Os consumidores também estão fazendo marketing para outros consumidores.‘’ Para se ter sucesso em meio à crise ou fora dela, é necessário que o profissional enxergue além do meio comum e saiba compreender o que se passa na cabeça do consumidor, até mesmo o que ele ainda nem levou para a mente. A empresas devem alcançar os consumidores como seres humanos plenos, feitos de alma, coração e espírito, e cabe ao profissional de marketing ser esse decodificador.

¹²³ Aspas retiradas do livro Marketing 3.0 de Philip Kotler, Elsevier